Sistema Megamos e o defeito de segurança que a Volkswagen tentou esconder

0

Foram dois anos a tentar esconder o defeito de segurança que permitia que os automóveis Volkswagen “sem chave” fossem facilmente pirateados para serem roubados. Este sistema “sem chave” denomina-se sistema Megamos e está presente em vários modelos de luxo da marca Volkswagen. Apresentava-se como uma feature de segurança, mas a verdade é que é facilmente corrompível – bastam 60 segundos. A descoberta foi feita por investigadores holandeses e britânicos que se viram obrigados a “abafar” o caso durante cerca de dois anos.

Um estudo de investigadores da Universidade de Radbout, na Holanda e da Universidade de Birmingham, no Reino Unido, revelou que a Volkswagen fabricou milhares de carros que podiam ser pirateados e facilmente roubados. A notícia é avançada esta sexta-feira, dia 14 de agosto, pela Bloomberg, que diz ainda que a marca alemã tentou abafar estes resultados durante dois anos.

O roubo destes carros “sem chave” já contabiliza cerca de 42% dos veículos roubados em Londres. Estes carros estão particularmente em risco e podem cair na mão de um “pirata” em 60 segundos, diz a polícia.

Este sistema Megamos (usado em algumas marcas de luxo da Volkswagen, incluindo alguns modelos da Audi, Porsche, Bentley, Lamborghini, Fiat, Honda, Volvo e Maserati) imobiliza o veículo e permite que o motor do carro não trabalhe caso não seja utilizada a chave correta. Supostamente é utilizado para prevenir os tradicionais roubos de carros.

Esta vulnerabilidade, que afeta a identificação de radiofrequência, foi descoberta em 2012, mas as fabricantes automóveis processaram os investigadores, impedindo-os de publicar os seus resultados.

Agora, após negociações, os resultados da investigação foram apresentados e os autores explicaram como é que o sistema Megamos, usado nos carros desta marca, podem ser pirateados por criminosos para roubar os veículos.

Por: André Vinagre | Fonte: Jornal de Negócios | Fonte (imagem): volkswagen.com.br

Proteja-se e ao seu carro com a geolocalização. Saber mais.

Share.
Saiba mais sobre:   Atualidade

Comments are closed.